Três dedos de conversa

Desabafos, insultos, piadinhas, noticias, comentários e informações. Qualquer tema de conversa, de discussão.

Quinta-feira, 16 de Novembro de 2006

três dedinhos pequeninos de conversa

Caí aqui de pára-quedas e vou fazer aquilo que prometi: dar-vos três dedos de conversa.
         A primeira coisa a fazer foi procurar um tema interessante para falar.
Vieram-me uns quantos á cabeça, fui eliminando os que para mim teriam menos interesse e fiquei com a mesma incerteza inicial deparando com uma cabeça oca de ideias que outrora estava a transbordar.
         Há os temas chatos, os demasiado chatos, os desinteressantes, os que tem certa piada, há ainda os que tem bastante piada… os que nem vale a pena discutir, os politicamente incorrectos e os temas já muito batidos.
         Enfim…temas de conversa.
         Pronto…lá me decidi. Tendo em conta a juvenilidade deste blog, decidi falar sobre um tema mais adequado à idade: a infância!
         Txi…quem não tem saudades das brincadeiras de criança? De passar uma tarde a ter diálogos com os amigos imaginários ou então com os nenucos (falar pró boneco), de pedir um gelado á mamã, aquele brinquedo ao papá…de esconder os cacos daquela jarra que partimos à avó com um grande chuto igual ao craque da nossa equipa… jogar as escondidas e correr ás caçadas com os meninos todos…De trocar a roupa as bonecas, cortar-lhes o cabelo e fazer-lhes curativos.
Passar horas colado á TV a ver a Rua Sésamo enquanto mamávamos a xuxa, enviar cartas ao pai natal e trocar correspondência amorosa com um menino da sala, arrancar os dentinhos de leite, comer nestum e cerelac, dançar as músicas dos verdadeiros Onda Choc, comer suissinhos…tudo passatempos de miúdos.
 Comíamos a sopa toda para depois dar uma trinca na sobremesa, mascavamos as “Gorilas” que eram uma espécie de “paralelepípedos que mal cabiam na boca” e brincávamos com o tamagotchi.
É claro que não desgosto desta “primavera da vida” mas tenho saudades de ser a mãe a passar a roupa, de comer a comidinha da vóvó todos os dias, de ter no mealheiro alguns trocos. De certo estaria bem mais contente se não tivesse estas borbulhas na testa, estas as dores nas costas e paletes de matéria para marrar...bem, cenas próprias de uma pessoa com 17 anos e meio…mas enfim…é a VIDA!
Bate uma certa nostalgia quando me lembro dos pensamentos irracionais que tinha…de imaginar o que seria quando fosse “grande”( se bem que só tenho 161 cm e não devo passar disto) professora primária, cabeleireira, power ranger, treinadora de golfinhos (?!) e muitas coisas mais. Ás vezes apetece pensar assim, pondo de parte os stress’s e os “porquês”, dar alas á imaginação e planear o futuro de maneira irracional.
Agora já não é tudo tudo tudo cor-de-rosa… e já só vemos os Simpsons e o Dragon ball nos canais da cabo!
Fiquemos com a saudade dos momentos de infância e vivamos o presente como se não houvesse amanha!
Contudo, acho uma coisa curiosa e estranha no ser humano… quando somos miúdos queremos ser mais velhos, quando somos velhos, queremos ser miúdos.
Bom é manter o sorriso de criança que recebe uma prenda…e saber coisas próprias dos adultos.
 
 
Opinem com fartura, exibam as vossas recordações.
Estes foram os primeiros três dedos de conversa.
publicado por Joana às 18:01
sinto-me: infantil
música: Era uma vez um cuco que não gostava de couves
Cala-te joana que tu eras horrivel para comer. a tua avo estava sempre: -Come joana, come joana, olha que comes isso ao lanche!

e a joana chegava da escola primária e enquanto comiamos o pão com o tulicreme, a joana comia a massa gelada do almoço, sem o leitinho fresquinho com chocolate!

sim, que bela infancia, passada ao teu lado e ao meu lado ainda te trago hoje =) não sei se pela toalha que um dia te dei na cara que te transformou na mulher que és hoje, mas concerteza as brincadeiras, as gargalhadas, os choro da saudades fez com que esta amizade se prolongue.

Love You sister!
Raquel a 21 de Agosto de 2011 às 20:44

Comentar:

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


mais sobre mim

Novembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

pesquisar

 

últ. comentários

  • email: alvesjoana.tur@gmail.com
  • Catarina, só vi o seu comentário agora. Não sei se...
  • Bom dia Joana, O meu nome é Catherine Fraga e faço...
  • Cala-te joana que tu eras horrivel para comer. a t...
  • Pró ano há-de haver mais, passo a redundancia...Qu...
  • Olá, que é feito??? Muito trabalho??Eu tb nem semp...
  • Não tavas trajada :p
  • Li hoje no Diário das Beiras que o dia de amanhã é...
  • Eu também estou c saudades. Não sei se tens bem a ...
  • nos meus tempos de estudante as "férias" eram em p...

mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

subscrever feeds